Itapevi continua como a cidade de maior letalidade pelo Covid-19 na região

Índice de letalidade na cidade chegou a 10,5%

O índice de isolamento medido pelo Simi – Sistema de Monitoramento Inteligente, que analisa os dados de geolocalização da rede de telefonia celular, de ontem (8) as 18h40 não trouxeram muitas surpresas.

veja gráfico:

O que chama a atenção nos dados divulgados pelo governo do Estado são os índices de letalidade da Covid-19 conferidos nas cidades da região.

A cidade de Itapevi tem um dos índices mais altos, 10,5%. Isso significa que quase 11 em cada 100 pessoas que pegam a doença na cidade vêm a óbito, um número bastante significativo.

Na região, a cidade é seguida de perto por Barueri, que têm letalidade de 9,4%.

Veja o grau de letalidade de todas as cidades da região até esta terça-feira (7):

Itapevi: 10,5% (1442 casos/149 óbitos)

Barueri: 9,4% (2411 casos/225 óbitos)

Osasco: 8% (6590 casos/522 óbitos)

Jandira: 7% (575 casos/39 óbitos)

Vargem Grande Paulista: 6,8% (221 casos/15 óbitos)

Cajamar: 6,4% (729 casos/46 óbitos)

Carapicuíba: 6,1% 2842 casos/172 óbitos)

Cotia: 6% (1618 casos/99 óbitos)

São Paulo: 5,4% (144.573 casos/7864 óbitos)

Santana de Parnaíba: 3,6% (1270 casos/49 óbitos)

Araçariguama: 2,2% (93 casos/2 óbitos)

Pirapora do Bom Jesus: 2,2% (189 casos/4 óbitos)

SIMI-SP
A central de inteligência analisa os dados de telefonia móvel para indicar tendências de deslocamento e apontar a eficácia das medidas de isolamento social. Com isso, é possível apontar em quais regiões a adesão à quarentena é maior e em quais as campanhas de conscientização precisam ser intensificadas, inclusive com apoio das prefeituras.

*Dados do Governo do Estado de São Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *